sexta-feira, 5 de maio de 2017

Segredo

Um sorriso,
uma observação,
um desejo,
o tempo,
o sonho,
a noticia,
a esperança,
a busca,
o encontro,
o beijo,
o flerte,
o sentimento,
a paixão,
a desilusão,
a desculpa,
a tristeza,
a incerteza,
a dor,
o drama,
de volta a solidão de meus sonhos e pensamentos,
lá, dentro novamente de minhas redomas, me protejo,
de falsos sentimentos... Escondo minha dor, vivo só
com meu amor...

quinta-feira, 4 de maio de 2017

Tudo que quero

Tudo que quero,
É você que eu quero,
É você que desejo,
É com você, que eu sonho...

Tudo que eu quero, É paixão,
É teu corpo em fogo,
Teu corpo no meu,
Minha alma na sua...

Tudo que quero...
É tua paixão,
É teu amor,
Teu corpo...
Mais ainda não sei quem és você...

quarta-feira, 3 de maio de 2017

Efeito Alessandra

Alessandra, foi uma namorada que tive que jurava me amar, e um belo do tomei um pontapé na bunda... Tomei outro, porém, verdade seja dita, essa última, não me fez promessas de amor eterno, eu as fiz, abri meu coração, é isso a assustou, fiquei sem chão, pois eu achei que fosse minha cara metade, nossa sintonia foi fantástica, é isso motivou me abrir, me expor... Depois tudo foi acabando, e acabou do nada. Que todas essas mulheres, todas as Alessandras de minha vida sejam felizes e realizadas, sigo novamente só  é Deus, escrevendo histórias tristes de amor...

terça-feira, 2 de maio de 2017

Intuição

A minha é apurada demais, brigamos muito, ela dá uns toques certos, e eu teimo em discordar, resultado? quebro a cara!!! Faz parte do aprendizado, mesmo sabendo que a página já estava escrita, achei que pudesse mudar o final da história, não consegui, estou abatido, triste, sem chão...

Queria muito que desse certo, resgatei lá do passado, um olhar e um sorriso... Coisas do passado temos que deixar lá, afinal é passado, foi bonito naquele momento, hoje a história é outra, o presente é novo, e os sentimentos... Esses nem se falam...

Preciso abrir horizontes, viver novos sonhos, novas praias e rios, andar por novos caminhos experimentar novos espinhos enquanto vivo estou... E terei que fazer tudo isso sozinho...

Beijos minha vida, vamos em frente em buscar de novo dissabor...

sábado, 29 de abril de 2017

Puta

Por que? Como assim? É sério isso? Então vamos lá... Uma mulher, seja ela qual for, tem o direito de sair com amigas e amigos, dançar, se libertar, fazer sexo, com quem ela desejar e escolher, mesmo que seja apenas por diversão, e ninguém tem o direito de chamá-la de PUTA.
Não vamos confundir, uma mulher mau caráter com uma PUTA, pois é até uma ofensa com as PUTAS... O que você classifica como PUTA, é uma mulher independente, emancipada, bem resolvida, que na cama, goza, sabe qual a posição que mais lhe dá prazer, e ensina teu macho, a dar-lhe o prazer que ela gosta... É aquela que sai pra batalha e encara a vida de frente, e com dificuldades vence todas as batalhas.
O que você define como PUTA, pra mim é uma mulher de verdade, é um ser digno de respeito, amor carinho e ternura... Aquela que você chama de PUTA, eu a quero perto de mim... Aquela que você rotula, como PUTA, numa DIVIDA, É MUITO MAIS MULHER, OU ATÉ MESMO, MUITO MAIS MACHO, QUE MUITO HOMEM POR AÍ.
Aquela que você chama de PUTA, Cria filho sozinha, trabalha, cuida da casa, constrói o mundo, e tem todo o direito de sentir, amar e viver...
Sou apaixonado pelas PUTAS, aquelas que são MULHERES DE VERDADE...

sábado, 17 de setembro de 2016

Escolhas

Se me ama tanto, por que me deixou só no mundo? Te procurei feito louco, por que, de amor, sou louco por ti, mas todos os dias, volto ao passado procurando meus erros, tentando encontrar o caminho onde te perdi... Hoje está dificil viver assim, aprisionado a esta história, sei que tenho que seguir em frente, talvez a morte, seja meu unico caminho, pois eu te amo, e morro de amor por você, eu escolho morrer, se não tiver o seu amor.

Amor Solitário

Saio na madrugada pensando em você, tento me concentrar na estrada, velocidade alta, a lua, a estrada, o perigo de cair, e você no pensamento. Lembro do primeiro beijo, lembro do ultimo, dos softs e hards que fizemos, das loucuras as escondidas... Me distraio, uma farol alto no rosto, minha moto conversa comigo, me desperta do sonho, oras pesadelo, quando lembro do ultimo encontro, ultimo amor... Vou vencendo a estrada, tentando me concentrar, corro perigo, o risco é eminente, posso cair,  adormecido neste sonho com você, lembro dos riscos e perigos que passei por você, lembro de minha entrega a ti, se aproxima uma curva, reduzo as marchas, sinto o gosto de sangue a boca, ao imaginar a queda, mas a negona é valente, me segura, acelero, sinto a brisa, sinto a solidão, sinto o desejo de ter você comigo ali, agarrada em mim, na minha garupa. Acordo, estou sozinho na estrada, só eu e minha negona, só eu e meu amor por você.